Clique e assine com até 92% de desconto

Recordista do salto triplo é suspenso por seis meses devido a briga

Por Da Redação 22 dez 2011, 12h42

Candidato ao ouro olímpico no triplo salto, Teddy Tamgho não poderá fazer a preparação que deseja para a Olimpíada de Londres. Por brigar com outro atleta durante treinamento em outubro, o francês foi suspenso por seis meses pela Federação Francesa de Atletismo (FFA).

A punição inicialmente era de um ano, mas foi reduzida à metade, e assim Teddy estará livre para disputar os Jogos Olímpicos em julho, fato que foi comemorado pelo atleta em seu Twitter. ‘A Olímpiada está salva’, escreveu ele, que ainda terá que pagar uma multa de 1.500 euros, além de cumprir 50 horas de trabalho comunitário.

Segundo um porta-voz da FFA, o francês ‘manifestou o seu arrependimento e concordou com o veredito final’. O caso de indisciplina não é o primeira na carreira de Teddy, que em 2008 já havia sido suspenso por um ano devido a conflito com outro atleta.

A reincidência e o fato de o jovem de 22 anos não poder competir no Mundial Indoor, no início da temporada, fazem a seleção francesa repensar se o atual recordista no triplo salto integrará a equipe do país em Londres.

Continua após a publicidade
Publicidade