Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Recife espera domingo maravilhoso para reverter vantagem do Santos

Sem quatro titulares do ‘time ideal’ do técnico Vadão, o Guarani tentará reverter a vantagem de 3 a 0 obtida pelo Santos no jogo de ida para surpreender e garantir o título do Campeonato Paulista no próximo domingo. O lateral esquerdo Bruno Recife demonstra pessimismo, mas abre a possibilidade de um ‘domingo maravilhoso’ dar a primeira conquista estadual da história do Bugr

Valorizando a campanha da equipe para atingir a decisão – o quarto lugar na fase de classificação e vitórias sobre Palmeiras e Ponte nas quartas e semifinal, respectivamente, o ala torce: ‘Chegar na final e ter que reverter um resultado não é fácil. Tem mais um jogo e precisamos estar num dia bom para fazer uma excelente partida, mas tem que ser um dia maravilhoso’.

‘Não tem como não pensar que ficou difícil, porque tirar três gols de uma equipe de qualidade não é fácil. Precisamos da vitória, mas sabemos que é uma missão muito difícil. O jeito é trabalhar durante a semana para buscar a vitória’, disse Bruno Recife antes do treino regenerativo desta terça-feira. Enquanto os reservas participaram de treino técnico, os titulares do duelo de domingo apenas se restabeleceram fisicamente.

O sonhador grupo do Guarani se reapresenta na quarta-feira, às 9h30 (de Brasília), quando realiza treino físico. O grupo já fica no Brinco de Ouro da Princesa para o período da tarde, quando faz atividades técnicas e de posicionamento. A expectativa do técnico Vadão é recuperar o zagueiro Neto a tempo do confronto, o que não deve acontecer nos casos de Oziel e Fumagalli. O outro desfalque bugrino é o volante Wellington Monteiro.

Reforço para a Série B – O diretor de futebol do Guarani, Cláudio Corrente, confirmou nesta terça-feira a contratação de mais um reforço para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. Depois do volante Jackson, do lateral Chiquinho e do atacante Clebinho, o lateral esquerdo Alex é outro que vestirá a camisa do Bugre em 2012.

Assim como Clebinho, Alex disputou o Campeonato Paulista pelo Botafogo de Ribeirão Preto. O jogador tem 23 anos e começou a carreira como meio-campista.