Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Real e Atlético de Madri são proibidos de contratar por um ano

Barcelona já havia sofrido punição semelhante da Fifa na última temporada

Real Madrid e Atlético de Madri foram proibidos de contratar novos jogadores nas duas próximas janelas de transferência por quebra de regras na transferência de atletas menores de idade, informou a Fifa nesta quinta-feira. O banimento não afeta a janela de transferência atual, que vai até o final deste mês. “Os dois clubes violaram diversas normas sobre transferência internacional e primeiro registro de jogadores menores de idade”, informou a Fifa em comunicado.

O Atlético foi multado em 900.000 francos suíços (3,9 milhões de reais) e o Real em 360.000 francos suíços (1,4 milhões de reais), acrescentou a entidade. Os clubes poderão recorrer da decisão no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS).

No ano passado, o Barcelona sofreu punição semelhante e ficou proibido de contratar na última janela de transferências – por isso, os reforços Aleix Vidal e Arda Turan tiveram que ficar um semestre inteiro sem atuar para, enfim, poderem estrear pelo clube catalão no início de 2016.

Na ocasião, a investigação da Fifa apontou que o Barcelona contratou dez jogadores estrangeiros e menores de 18 anos entre 2009 e 2013. A transferência de jogadores menores de idade só é permitida em três casos: se os pais do atleta emigraram para determinado país por conta própria, sem nenhum tipo de relação com o futebol; se a transação ocorrer entre países da União Europeia e o jogador tiver entre 16 e 18 anos; ou se a residência do atleta estiver localizada a menos de 50 quilômetros da fronteira do novo país.

Leia também:

Barcelona tentou impedir que Kaká entregasse Bola de Ouro a Messi

Estátua de Cristiano Ronaldo em Portugal é pichada com nome de Messi

Cristiano e Daniel Alves discutem feio na Bola de Ouro

(Da redação)