Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Rapidinhas do Tricolor: William Bonner vai a vestiário após vitória

Por Da Redação 12 nov 2011, 23h31

Apoio ilustre: O jornalista William Bonner foi ao Morumbi para ver o jogo ao lado do presidente Juvenal Juvêncio e do vice-presidente João Paulo de Jesus Lopes, foi ao vestiário após a vitória e atendeu ao convite de Rogério Ceni para falar ao grupo. ‘Fiquei feliz, como são-paulino, de ver a alegria que vocês demonstraram no segundo tempo. Tenho muita confiança de que vamos chegar à Libertadores. O lugar do São Paulo é na Libertadores. Estou muito contente de estar aqui, tenho muita confiança em vocês. Futebol vocês têm, qualidade vocês têm, é só seguirem demonstrando isso’, discursou, ouvindo pedidos para dizer ‘Boa noite’.

Ainda dói: Durante todo o segundo tempo, Rogério Ceni deixou claro que ainda sente as dores no tornozelo que o deixaram fora das duas rodadas anteriores. Nem quis dar entrevistas depois da partida. Leão já avisou que o goleiro terá que enfrentar o problema nas quatro rodadas que restam.

Suspiro: Luis Fabiano conta que ficar nove jogos sem conquistar a vitória foi a pior sequência de sua carreira. Mas comemorou, já que pôs fim ao jejum com dois gols. ‘Eu não fazia dois em um mesmo jogo desde quando fiz três pelo Sevilla contra o Levante no Campeonato Espanhol [em 22 de janeiro deste ano, vitória por 4 a 1 de seu ex-clube].’

Lição dos outros: Antes de sua entrevista coletiva após a partida, Leão soube da derrota do Fluminense para o América-MG e logo adotou o resultado como exemplo. ‘Será que é surpresa ou superação de um América-MG que ganhou dos primeiros colocados? Se não tivéssemos respeito ao Avaí, perderíamos também’, declarou.

Confirmado: O treinador foi seco ao definir já quem substituirá Luis Fabiano, suspenso da partida de quarta-feira contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba. ‘Willian José’.

Paz, por favor: Leão, entretanto, não quis falar muito sobre a definição da escalação para a próxima rodada. ‘Deixem-me ficar um domingo sossegado. Tive alguns enquanto eu estava desempregado, mas, trabalhando, não tenho um faz tempo’, sorriu.

Continua após a publicidade
Publicidade