Clique e assine a partir de 8,90/mês

Raonic frustra Federer e chega à final de Wimbledon

Canadense de 25 anos desbancou o suíço em uma batalha de cinco sets e chegou à primeira decisão de Grand Slam de sua carreira

Por Da Redação - 8 jul 2016, 13h11

O sonho de Roger Federer de conquistar o oitavo título de Wimbledon e se isolar como o maior campeão da história do Grand Slam inglês chegou ao fim nesta sexta-feira. O tenista suíço foi derrotado pelo canadense Milos Raonic em uma batalha de cinco sets, com parciais de 6/3, 6/7 (3), 4/6, 7/5 e 6/3, na semifinal, em Londres.

Leia também:

Serena atropela russa e chega à final de Wimbledon

Em imagens, o vestido da discórdia em Wimbledon

Djokovic é eliminado em Wimbledon

Federer, de 34 anos, vinha de outra desgastante partida diante do croata Marin Cilic, e teve dificuldades diante da força física de Raonic, nove anos mais jovem. O terceiro colocado do ranking da ATP chegou, inclusive, a receber atendimento médico no quinto set e não resistiu após três horas e 25 minutos de partida. Apesar da derrota, Federer deixou a quadra central do All England Club ovacionado pelo público, assim como Raonic, a grande surpresa do torneio.

Esta será a primeira final de Grand Slam do sétimo colocado do ranking da ATP, que pode se tornar também o primeiro canadense a vencer o Grand Slam de Londres. Na final deste domingo, Raonic enfrentará o ídolo local, o britânico Andy Murray, que despachou o checo Tomas Berdych por 3 sets a 0, com triplo 6/3, e buscará seu segundo título de Wimbledon – foi campeão em 2013.

(da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade