Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Ramon festeja título pelo Corinthians e alfineta dirigente do Vasco

Por Da Redação 4 dez 2011, 20h12

Contratado pelo Corinthians no meio da temporada após ser pouco aproveitado no Vasco, o lateral esquerdo Ramon foi um dos jogadores mais contentes com o título do Campeonato Brasileiro, neste domingo. Na saída do Pacaembu, ele fez questão de se lembrar do antigo clube.

‘Não zoei ninguém lá porque ainda não deu tempo, mas vou zoar todo o mundo. Vou zoar muito. Principalmente o Caetano (Rodrigo Caetano, diretor de futebol do clube carioca)’, disse o jogador, antes de um gole de cerveja, mostrando certa mágoa pelo modo como deixou São Januário. Ele e o dirigente entraram em atrito publicamente por conta de declarações – depois de elogiar estrutura do futebol paulista em comparação com o carioca, ele foi chamado de ingrato pelo dirigente.

Apesar da provocação, Ramon tem amigos vascaínos. O maior deles é o meia Fellipe Bastos, com quem mantém contato quase que diário. Nas últimas semanas, eles vinham se provocando por telefone, e o corintiano brincava que precisava ser campeão porque é dois anos mais velho.

O Vasco foi a única equipe a chegar à rodada derradeira com chance de tirar a conquista do Corinthians. Para isso, tinha que vencer e contar com derrota do líder diante do Palmeiras. O resultado final, no entanto, não foi suficiente, já que houve empate nas duas partidas. Assim, o atual time de Ramon terminou à frente, com dois pontos e duas vitórias de vantagem na ponta.

Antes de se preocupar muito no momento em tirar sarro pelo vice-campeonato vascaíno, Ramon participará da festa armada para comemorar o penta corintiano. O local reservado antecipadamente pela diretoria do clube alvinegro foi uma casa de shows sertanejos, na capital paulista.

Continua após a publicidade
Publicidade