Clique e assine a partir de 9,90/mês

Rafaela Silva vai à semifinal do Mundial de Judô

Por Da Redação - 24 ago 2011, 09h43

Por Wilson Baldini Jr.

Paris – Depois de ganhar prata com Leandro Cunha e bronze com Sarah Menezes na terça-feira, o Brasil tem apenas uma chance de medalha no segundo dia de disputa do Mundial de Judô, nesta quarta, em Paris. Rafaela Silva conseguiu chegar à semifinal da categoria leve (até 57kg), enquanto os outros três judocas brasileiros foram eliminados precocemente (Ketleyn Quadros, Érika Miranda e Bruno Mendonça).

Para chegar à semifinal, Rafaela Silva somou quatro vitórias, diante da italiana Giulia Quintavalle, da espanhola Concepcion Bellorin, da grega Ioulietta Boukouvala e da alemã Miryam Roper. Agora, ela volta a lutar ainda nesta quarta-feira, nas finais que começam às 10h30 (horário de Brasília), quando enfrenta a norte-americana Marti Malloy.

Única mulher a ganhar medalha olímpica no judô brasileiro – foi bronze nos Jogos de Pequim, em 2008 -, Ketleyn Quadros perdeu logo na estreia em Paris. Diante da japonesa Kaori Matsumoto, que a atual campeã mundial e líder do ranking na categoria leve (até 57kg), ela acabou sendo eliminada em sua primeira luta na competição.

Continua após a publicidade

Apontada como a principal esperança brasileira de medalha nesta quarta-feira, Érika Miranda também decepcionou. Em quinto lugar no ranking mundial da categoria meio-leve (até 52kg), ela começou a competição com vitória sobre Solongo Baatarsaikhan, da Mongólia, mas foi eliminada na luta seguinte pela romena Andreea Chitu.

Na única categoria masculina que foi disputada nesta quarta-feira no Mundial de Paris, o brasileiro Bruno Mendonça foi eliminado na terceira rodada do peso leve (até 73kg). Ele começou a disputa com vitórias sobre o usbeque Mirali Sharipov e o romeno Adrian Nicolae Merge, mas acabou perdendo para o estoniano Kunter Rothberg.

Publicidade