Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Problema cardíaco afasta meia Renato do Flamengo

Por AE

Rio – O meia Renato será desfalque do Flamengo por tempo indeterminado. Nesta segunda-feira, após realizar exames de rotina, o jogador foi diagnosticado com uma alteração cardíaca, que o afastará de treinos e jogos da equipe. Assim, ele já está fora do confronto diante do Emelec, nesta quinta-feira, às 19h30, no Engenhão, pela segunda rodada do Grupo 2 da Libertadores.

“O Renato está fora do jogo contra o Emelec. Foi uma alteração no teste ergométrico. Ele vai realizar outros exames durante essa semana. Até a conclusão disso tudo, ele vai ficar fora dos treinamentos. O jogador está sendo avaliado pelo doutor Serafim Borges, que é especialista nisso. Foi um exame de rotina nesta segunda”, explicou o médico do clube, Marcio Tannure.

Aos 33 anos, o meia enfrenta este tipo de problema pela primeira vez na carreira, de acordo com o médico flamenguista. Ele não atuou na partida diante do Duque de Caxias, no último domingo, por conta de uma suspensão, mas vinha treinando normalmente. De acordo com o clube, a liberação do jogador só será decidida depois de uma série de testes.

Assim, Renato se torna mais um desfalque para o técnico Joel Santana, que não poderá contar com o goleiro Felipe e os volantes Willians e Airton, lesionados, diante do Emelec. O chileno Maldonado, com um problema no joelho esquerdo, é dúvida para a partida.

A boa notícia ficou por conta do provável retorno do lateral Leonardo Moura. Ele sentia dores no joelho direito e foi desfalque diante do Duque de Caxias. No entanto, o jogador participou normalmente do treino desta segunda-feira, que envolvia apenas os atletas que não atuaram no domingo, e deve jogar contra o Emelec.

“O Léo Moura trabalhou nesta segunda e esperamos que ele jogue na quinta. O Willians está evoluindo bem, mas como já havia dito, é uma lesão de duas, ou três semanas. O Maldonado está sentindo dores no joelho esquerdo e vamos ver como ele vai evoluir”, disse Tannure. “O goleiro Felipe está em casa e passa bem”, concluiu.