Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pressionado, Joel critica defesa do Fla após triunfo

Por AE

Rio – Pressionado no comando do Flamengo, o técnico Joel Santana ganhou sobrevida no cargo com a vitória por 3 a 2 sobre o Atlético-GO, no último domingo, no Engenhão. O triunfo, porém, não foi suficiente para deixar o treinador satisfeito com a equipe, que teve o seu desempenho defensivo criticado pelo comandante.

“O time ficou tenso após tomar o primeiro gol. A vantagem é que conseguimos equilibrar com o gol do Renato e colocamos um jogador (Adryan) para ajudar o ataque logo no início do segundo tempo. O segundo gol deles, então, foi assustador. Não podemos tomar um gol daqueles. A defesa tem que parar de dar bobeira”, reclamou Joel, apontando também certa acomodação dos seus jogadores após o time abrir 3 a 1 no placar, já aos 15 minutos do segundo tempo.

O treinador, porém, exibiu otimismo ao projetar os objetivos do time carioca neste Brasileirão. “Nesse começo de campeonato é tudo mais difícil. A única equipe que não está formada aqui no Rio é a do Flamengo. Mas tenho certeza de que com o elenco que está aqui e mais umas duas ou três peças que estão para chegar o time vai se acertar. O Flamengo ainda vai entrar no bolo daqueles que disputarão o campeonato”, ressaltou.

Já o garoto Adryan, de apenas 17 anos, festejou o belo gol que fez diante do Atlético-GO, depois de ter sido promovido pela segunda vez aos profissionais do Flamengo, após retornar às divisões de base do clube anteriormente. E este foi o seu primeiro jogo neste Campeonato Brasileiro, no qual entrou na equipe depois do intervalo.

“É um sonho participar do time profissional. E mais uma vez estreei com gol. Estou muito feliz com tudo… com o gol, com a vitória. Agradeço o apoio que recebi de todos”, disse a promessa rubro-negra, que também admitiu que o time sofreu queda de rendimento no segundo tempo. “Infelizmente levamos uma pressão no final do jogo. Poderia ter sido melhor, mas vencemos em casa e é isso que importa”, completou.