Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Prefeitura aprova certificado de isenção para Itaquerão

Valor total do Certificado de Incentivo ao Desenvolvimento é de R$ 156 milhões

Por Da Redação 5 abr 2013, 16h44

Em uma reunião na noite desta quinta-feira, a prefeitura de São Paulo aprovou a emissão do primeiro CID (Certificado de Incentivo ao Desenvolvimento) às obras do Itaquerão, futuro estádio do Corinthians, que sediará a abertura da Copa do Mundo de 2014. Na reunião estavam presentes a vice-prefeita Nádia Campeão e os membros do Comitê de Construção do Estádio. Os certificados terão o valor de 156 milhões de reais. A ata da reunião será publicada no Diário Oficial, entre terça e quarta-feira. E, a partir daí, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, poderá emitir os documentos.

Leia também:

Brasil é ‘insuperável dentro e fora de campo’, afirma Dilma

Valcke avisa: Fifa não aceitará novos atrasos para a Copa

Fifa define sistema que será usado na linha do gol em 2013

A última reunião feita na prefeitura para resolver o problema foi feita em dezembro de 2012, ainda na gestão Kassab. Na época, foram apontados problemas para a emissão, como a falta de orçamento na prefeitura e inseguranças jurídicas. Com a eleição de um novo comitê pelo atual prefeito Haddad, o comitê se reuniu, resolveu as pendências e, com o aval da Procuradoria-Geral do Município, resolveu liberar o incentivo.

Leia também:

Valcke elogia Mineirão e diz que falhas iniciais são ‘alerta’

Continua após a publicidade

Copa das Confederações já tem 546.000 ingressos vendidos

Maracanã receberá torneio sem nenhum teste de verdade

A condição da emissão é que o Itaquerão sedie a abertura da Copa do Mundo. O prazo para que as obras sejam concluídas é dezembro de 2013. Segundo a construtora Odebrecht, 66% do estádio já está pronto.

Acompanhe VEJA Esportes no Facebook

Siga VEJA Esportes no Twitter

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade