Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Preciado ‘tinha tudo aquilo que gosto nas pessoas’, diz Mourinho

Por Da Redação 7 jun 2012, 09h39

Madri, 7 jun (EFE).- O técnico do Real Madrid, José Mourinho, manifestou nesta quinta-feira sua tristeza pela morte do também treinador Manuel Preciado, a quem definiu como ‘um adversário digno’ e que tinha ‘caráter e transparência’.

Mourinho também elogiou a ‘coragem’ de Preciado para ‘enfrentar os golpes da vida, que foram cruelmente duros em seu caso’ – referindo-se aos recentes falecimentos da esposa, de um filho e do pai do treinador.

‘Não sou ninguém para pretender elogiar a vida de Manuel Preciado. Mas como colega e homem de futebol, desejo neste duríssimo momento enviar minha humilde mensagem de dor a todos os seus amigos e familiares’, afirmou o treinador português em mensagem publicada no site do Real Madrid.

Mourinho, que protagonizou uma polêmica com Preciado na temporada 2010-2011, quando questionou uma escalação do Sporting Gijón para um jogo contra o Barcelona, enviou uma mensagem à família do técnico, ‘a seus amigos no Sporting, no Racing Santander, no Levante e no Villarreal, clube que certamente levaria de volta à primeira divisão, e em todas as equipes nas quais deixou sua marca’.

‘Manolo foi sempre um adversário digno, o que descobri bem quando veio nos visitar, em março, no centro de treinamentos (do Real Madrid). Ele tinha tudo aquilo que gosto nas pessoas e nos esportistas: caráter, transparência e coragem para enfrentar os golpes da vida, que foram cruelmente duros em seu caso’, afirmou.

Mourinho disse ainda que, com a morte de Preciado, o futebol perdeu ‘uma pessoa muito especial’. ‘Deixo todo meu apoio para os que o admiravam. Minha lembrança por ele será sentida e permanente’, concluiu. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade