Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Prass culpa falta de entrosamento por falhas nos gols do Aurora

Por Da Redação 6 out 2011, 00h44

Os reservas do Vasco começaram bem o duelo contra o Aurora, na noite desta quarta-feira, em Cochabamba, abrindo o placar ainda na primeira metade do primeiro tempo, com Bernardo. No segundo tempo, porém, três falhas defensivas colocaram os donos da casa à frente e fizeram com que, para classificar, o Cruz-maltino precise de, ao menos, um 2 a 0.

Um dos poucos titulares em campo (Fágner também iniciou a partida), o goleiro Fernando Prass culpou o pouco entrosamento da retaguarda carioca pelos gols sofridos, todos em lances isolados ou em confusões na área.

‘Infelizmente, é um time que não tem mecânica de treinamento, não está acostumado a trabalhar junto. Isso acabou nos prejudicando ali na defesa’, afirmou o arqueiro, em entrevista à Rádio Globo, comentando também sobre a desvantagem que será levada ao Rio.

‘Já sabíamos que eles eram muito mais fortes jogando em casa e agora temos que pensar apenas na partida de volta’, disparou.

Outro a lamentar os vacilos nos 45 minutos finais foi o volante Fellipe Bastos. ‘Não conseguimos o resultado, infelizmente. Até saímos na frente, mas demos mole’, analisou, garantindo. ‘Agora vamos decidir em São Januário.’

Continua após a publicidade
Publicidade