Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Postagens de Felipe Melo e Valdivia agitam dia do Palmeiras

Volante ficou na reserva diante do Atlético-MG e escreveu mensagem enigmática. Já o meia chileno revelou desejo de voltar. 'Só ligar que eu vou'

Por Da redação Atualizado em 5 jun 2017, 16h32 - Publicado em 5 jun 2017, 15h34

A segunda-feira amanheceu conturbada no Palmeiras após mais uma rodada sem vitória no Brasileirão. O empate em 0 a 0 diante do Atlético-MG deixou o atual campeão na 12ª colocação. E para agitar ainda mais o ambiente, o volante Felipe Melo, que ficou no banco de reservas, postou uma mensagem enigmática, considerado por alguns torcedores como uma indireta ao técnico Cuca.

  • “Mesmo sem entender, eu confio em ti Jesus”, escreveu Felipe Melo, na legenda de um vídeo em que seu cachorro aparece caminhando em frente a uma piscina, com uma música gospel do cantor Thalles Roberto como trilha sonora. Felipe Melo “trancou” os comentários do vídeo no Instagram. No Twitter, palmeirenses se dividiram entre apoio a Felipe Melo e à decisão de Cuca de deixá-lo no banco.

    View this post on Instagram

    Mesmo sem entender eu confio em ti Jesus! @thallesrobertoo 🙏#JesusReisdosReis #euconfioemtijesus🙏🏻🙏🏻🙏🏻 #Ousado

    A post shared by Felipe Melo (@felipemelo) on

    Continua após a publicidade

    Mais cedo, o meia chileno Jorge Valdivia também agitou os palmeirenses nas redes sociais. Sem clube desde que deixou o Al-Wahda, dos Emirados Árabes Unidos, no mês passado, o jogador passa férias no Brasil e deixou claro que retornaria ao Palmeiras com o maior prazer. “Só ligar que eu vou”, escreveu, em reposta a torcedores que clamam por sua volta.

    O meia de 33 anos, que não participou da conquista recente da Copa do Presidente dos Emirados Árabes, pois estava lesionado, deixou o Palmeiras em 2015. Em duas passagens pelo clube, Valdivia conquistou o Paulistão de 2008, a Copa do Brasil de 2012 e a Série B de 2013.

    Valdivia mostra o troféu de campeão, mas não entrou em campo, pois estava lesionado Reprodução/Instagram
    Continua após a publicidade
    Publicidade