Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Por ‘vitrine’ maior, Rafael espera enfrentar Barcelona na decisão

Garantido na decisão do Mundial de Clubes depois da vitória por 3 a 1 sobre o Kashiwa Reysol, o Santos aguarda nesta quinta-feira definição de seu adversário: Barcelona ou Al-Sadd. Enfrentar a equipe catariana certamente seria menos difícil, contudo os jogadores brasileiros fazem análise sob outra ótica: a de que derrotar o time espanhol, campeão europeu e considerado o melhor da atualidade, teria sabor diferente.

Um dos que pensam dessa maneira é o goleiro Rafael. ‘Criou-se essa expectativa desde que a gente venceu a Libertadores. Esse é um jogo esperado por todo o mundo. Creio que o Barcelona vai passar, pois é a melhor equipe do mundo hoje. Nós nos preparamos muito e torcemos para que seja mesmo. Se vocês têm expectativa por isso, imaginem nós. Enfrentá-los seria uma vitrine muito grande para mostrar nosso potencial. A gente quer mostrar que não fica atrás de ninguém’, disse.

A definição do oponente santista começará a ser conhecida a partir de 8h30 (19h30, no horário de Brasília) desta quinta-feira, quando o time brasileiro terá outra oportunidade de acompanhar o Barcelona em campo.

‘A gente sempre assiste aos jogos deles, porque o time deles está na televisão toda hora. É uma equipe muito boa, mas nem adianta estudar, porque tem jogadores diferentes, que podem surpreender, como fez o Neymar hoje, quando acharam que ele ia chutar de direita e ele deu um corte antes de chutar com o pé esquerdo’, completou.

Citado pelo camisa 1, o atacante engrossou a torcida pelo Barcelona diante do Al-Sadd. ‘Seria uma honra jogar contra eles. Espero que a gente possa encontrá-los na final’, falou Neymar, responsável por abrir o caminho da vitória sobre os japoneses.