Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Por doping, goleiro do Atlético-PR é suspenso por 2 anos

Rodolfo testou positivo para cocaína e afirmou ser dependente químico

O goleiro Rodolfo foi suspenso por dois anos após seu teste antidoping apontar positivo para uso de cocaína. O exame foi realizado no dia 9 de junho, na partida entre Atlético Paranaense – clube que o jogador defendia – e o CRB, pela série B do Campeonato Brasileiro. A decisão foi da Primeira Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Leia mais:

São Paulo aumenta cobrança por Copa Sul-americana

Os cinco auditores que estavam no julgamento consideraram Rodolfo culpado e aplicaram a pena máxima. Após o resultado do teste, o goleiro declarou-se dependente químico e, com a ajuda de seu clube, se internou em uma clínica de reabilitação. O advogado Domingos Moro avisou que o clube vai recorrer da punição.

Leia também:

Santos quer fretar jatinho para Neymar jogar na quinta

“Já havia avisado ao Rodolfo que provavelmente a pena seria essa. Vou pedir ao tribunal uma redução de pena com uma medida social. Precisamos de no mínimo seis meses, mas podemos pensar em um período maior, ele só não pode ficar dois anos sem jogar, pois precisamos recuperar o atleta e principalmente o ser humano”, disse.

(com Agência Estado)