Clique e assine com 88% de desconto

Polonês Robert Kubica retorna à Fórmula 1 na Williams

Polonês foi piloto de testes da escuderia em 2018

Por AFP - 22 nov 2018, 10h25

O polonês Robert Kubica, afastado da Fórmula 1 desde 2010, será um dos pilotos titulares da Williams na temporada 2019, anunciou a escuderia britânica nesta quinta-feira, 22, antes do Grande Prêmio de Abu Dhabi. O piloto de 33 anos ficou gravemente ferido em fevereiro de 2011 em um rali na Itália e os médicos chegaram a cogitar amputar seu braço direito. Na época, o polonês era piloto da escuderia de F1 Renault.

Na próxima temporada, Kubica terá como companheiro de equipe na Williams o britânico George Russell, 20 anos, piloto do programa da Mercedes e atual líder do campeonato de Fórmula 2. “Foi um duro caminho para retornar à Fórmula 1, mas o que parecia quase impossível começa a virar realidade. Estou entusiasmado de poder dizer que estarei no grid da Fórmula 1 em 2019”, declarou Kubica em uma entrevista coletiva no circuito de Yas Marina.

A diretora da escuderia britânica, Claire Williams, destacou a “coragem e determinação” de Kubica, que era piloto reserva da equipe há um ano. “Suas qualidades na área de engenharia nos ajudarão no desenvolvimento do próximo carro”, disse a filha do fundador da escuderia, Frank Williams.

Kubica participou de vários treinos da F1 em 2017, primeiro com a Renault e depois com a Williams. O polonês substituirá o russo Serguei Sirotkin, que ocupa a última posição no Mundial de 2018 com apenas um ponto. Kubica tem uma vitória em sua carreira na Fórmula 1, no GP do Canadá de 2008, quando era piloto da BMW Sauber.

Publicidade