Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Polícia prende mais um vascaíno que brigou em Joinville

No total, 31 torcedores foram indiciados por associação criminosa, incitação à violência e dano ao patrimônio público; vinte já estão presos

Por Da Redação 4 jan 2014, 10h58

O torcedor vascaíno Bruno Pereira Ribeiro, o Bruno Fat, 32 anos, foi preso na noite desta sexta-feira por policiais da 42ª Delegacia de Polícia (Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio). Ribeiro é um dos 31 acusados de envolvimento na briga entre torcedores do Vasco e Atlético Paranaense, em Joinville (SC), no dia 8 de dezembro, na última rodada do Campeonato Brasileiro. Com ele, já são pelo menos vinte detidos.

Ribeiro estava com mandado de prisão expedido e foi capturado na Praia da Macumba, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade. O torcedor vascaíno Tiago Almeida Rosa Silva de Oliveira também foi detido no Rio em dezembro.

Leia também:

Brasil já tem antídotos contra os vândalos. Só falta usá-los

STJD não aceita recurso e confirma queda do Vasco

Chefes da Força Jovem do Vasco comandaram pancadaria em Joinville

As prisões fazem parte da Operação Cartão Vermelho, que ocorre simultaneamente no Paraná, Santa Catarina e Rio de Janeiro. As polícias buscam cumprir 31 mandados de prisão e um de busca e apreensão na sede da torcida atleticana Os Fanáticos.

Todos os 31 indiciados serão acusados por associação criminosa, incitação à violência e dano ao patrimônio público. Além disso, pelo menos dez delas responderão também por tentativa de homicídio.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade