Clique e assine a partir de 9,90/mês

Platini diz ser o único capaz de derrotar Blatter em eleição

Atual presidente da Uefa não confirmou candidatura para a votação de presidente da Fifa, mas mostrou extrema confiança para entrar no pleito

Por Da Redação - 27 mar 2014, 15h46

O atual presidente da Uefa, o ex-jogador francês Michel Platini, mostrou extrema confiança e afirmou nesta quinta-feira que apenas ele é capaz de derrotar Joseph Blatter na eleição que vai definir o novo presidente da Fifa, em maio de 2015. Ao lado do próprio Blatter, Platini participa de um congresso da Uefa em Astana, no Cazaquistão. O cartola francês disse que deve tomar sua decisão entre setembro e dezembro, após conversar com as federações europeias filiadas à Fifa.

Leia também:

Uefa troca amistosos por ‘Liga dos Campeões de seleções’

Eurocopa-2020: 32 países querem sediar torneio itinerante

Continua após a publicidade

Blatter critica Uefa por fazer a Eurocopa em vários países

“Tenho dever de ouvir aqueles que estão ao meu redor, mas é uma decisão pessoal. Não é um objetivo meu assumir a presidência da Fifa. Gosto de estar na Uefa, mas muitas federações disseram que me escolheriam”, afirmou Platini. Apesar de ser um nome forte para seguir no cargo de presidente, o suíço Joseph Blatter ainda não oficializou sua candidatura – deve fazê-lo em junho, antes da abertura da Copa do Mundo. Outro francês, Jérôme Champagne, ex-vice-secretário geral da Fifa, de 55 anos, é o único confirmado no pleito até agora.

(Com Estadão Conteúdo e agência Gazeta Press)

Publicidade