Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Piris tem edema e improvisação de João Filipe reabre vaga na lateral

O lateral direito Piris sentiu dores na coxa direita e teve que sair de campo na vitória por 3 a 1 sobre a Ponte Preta. O substituto do paraguaio foi João Filipe, que é zagueiro e atuou improvisado no setor que não conta com nenhum suplente. Nesta segunda-feira, no Reffis, Piris foi reavaliado e o diagnóstico é de um edema na região posterior da coxa direita.

Ainda não existe conclusão do departamento médico a respeito da disponibilidade do único lateral direito do elenco profissional do São Paulo para a partida da próxima quinta-feira, diante do Comercial. Piris já iniciou o processo de tratamento, mas é dúvida para a sexta rodada do Campeonato Paulista.Mesmo que o paraguaio possa entrar em campo na quinta-feira, a lesão já serviu para que o técnico Emerson Leão voltasse a pressionar a diretoria pela contratação de um lateral direito para disputar a titularidade com Piris. Até a venda de Jean para o Fluminense ainda incomoda o treinador, que pretendia utilizá-lo como fixo na ala.

‘Tivemos a infelicidade de perder o Piris e agora vamos improvisar de novo porque não temos especialistas. Mas não se esqueçam que é por pouco tempo’, avisou o treinador depois da vitória sobre a Ponte Preta, consciente de que o setor perdeu o ritmo após a saída do paraguaio.

Na pré-temporada do São Paulo, no Centro de Formação de Atletas de Cotia, a ausência de um lateral direito foi facilmente percebida. Enquanto Cortez e Juan cruzavam bolas da esquerda para o treino de finalizações, apenas Piris corria para fazer isso do outro lado.