Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pimenteiras dão resultado e Felipão promete mais flores no CT

Na última semana, a sala de imprensa do CT do Palmeiras foi enfeitada com dois vasos de pimenteira, planta conhecida por espantar o mau-olhado. Coincidência ou não, o Verdão quebrou um jejum de dez rodadas ao vencer o Bahia, neste domingo, em Salvador, e acabou de vez com o risco de rebaixamento. Entre elogios ao grupo e demonstrações de alívio após o jogo, Felipão brincou e prometeu deixar o ambiente ainda mais florido nos próximos dias.

‘Eu vi que vocês (jornalistas) gostaram. Agora vou colocar um vaso de gerânios, que é o meu gosto, que por sinal tenho na minha casa. Vou colocar um de gerânio para dizer a vocês que não é só de pimenteira que a gente vive, não’, sorriu.

Pimenteiras à parte, o técnico do Palmeiras apontou a chegada de César Sampaio como fator fundamental para a mudança de postura do time. O gerente de futebol foi contratado em 4 de novembro com a função de melhorar a comunicação entre elenco, comissão técnica e diretoria.

Scolari percebeu evolução na equipe nas últimas três rodadas, mesmo que a vitória só tenha voltado a aparecer em Salvador. O técnico não aponta a saída definitiva do atacante Kleber como fator primordial da mudança no ambiente, mas a ida do jogador para Porto Alegre, onde defenderá o Grêmio, também é considerada por ele como um alívio.

‘Jogamos com o Grêmio em Porto Alegre e estávamos vencendo por 2 a 0. Deixamos empatar, mas fomos bem. Jogamos com o Vasco, que é vice-líder, e foi pau a pau. Tomamos um gol a três minutos e reagimos. Esse era o espírito que tínhamos no primeiro turno’, comentou.

O Palmeiras encerra sua participação na temporada com dois clássicos: contra São Paulo, domingo que vem, e Corinthians, uma semana mais tarde.