Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Piloto da Marussia que sofreu acidente perde olho direito

Madri, 4 jul (EFE).- A piloto espanhola María de Villota, que na terça-feira sofreu um grave acidente durante uma sessão de treinos da equipe Marussia no aeroporto de Duxford, no Reino Unido, perdeu o olho direito devido à gravidade dos ferimentos em seus rosto.

María de Villota foi internada e no hospital Addenbrooke, da Universidade de Cambridge. A equipe informou que a piloto passou por uma ‘longa cirurgia para tratar de sérios ferimentos na cabeça e no rosto’.

A escuderia acrescenta que a operação começou na terça-feira pela tarde, e agora María de Villota ‘está em estado grave mas estável’. John Booth, chefe da equipe, com ‘consentimento e apoio da família de María’, informou ‘com grande tristeza’ que a piloto madrilenha, de 32 anos, perdeu o olho direito durante a operação.

‘Estamos agradecidos pelo atendimento médico que María está recebendo e sua família deseja agradecer às equipes de neurologia e cirurgia plástica’, acrescentou Booth.

Em relação aos motivos do acidente, a ‘a equipe está analisando o que ocorreu’. María de Villota se chocou na terça-feira de manhã no final de sua primeira volta contra a um caminhão de apoio da equipe.

María de Villota é a primeira espanhola a participar da Fórmula 1, em seu caso como piloto de testes da Marussia. EFE