Clique e assine a partir de 9,90/mês

Mundo do esporte presta tributo a Maria Esther Bueno: ‘Eterna rainha’

Tenistas, campeões olímpicos e clubes de futebol usaram as redes sociais para homenagear a multicampeã

Por Da Redação - Atualizado em 9 jun 2018, 00h06 - Publicado em 8 jun 2018, 21h29

Personalidades dos esportes e da política comentaram nas redes sociais a morte da ex-tenista Maria Esther Bueno, que faleceu nesta sexta-feira em São Paulo, aos 78 anos. Tenista mais vitoriosa da história do esporte no Brasil, ela estava internada no Hospital 9 de Julho e lutava contra um câncer na boca.

Por meio do Twitter, o presidente Michel Temer afirmou que ela “será sempre lembrada como a nº 1 do tênis no coração de todos os brasileiros”.

Os tenistas Marcelo Melo e Bia Haddad também comentaram a morte de Maria Esther Bueno. Melo afirmou que “é um dia triste para o tênis brasileiro” e lembrou que a ex-tenista “foi a maior vencedora do tênis brasileiro” e “sempre prestou tudo que pôde ao tênis”.

Por meio de um vídeo, Bia lembrou o contato que teve com Maria Esther durante o Rio Open e a classificou como “ícone no nosso país”. “Dentro e fora da quadra, sempre mostrou muita luta, sempre foi uma pessoa muito boa, fez bem ao esporte (…) vou tentar das melhor forma possível fazer o meu melhor dentro de quadra para seguir essa luta pelo nosso país”, disse a tenista.

No Twitter, o Rio Open classificou a ex-tenista como “nossa eterna rainha”.

O US Open, um dos maiores Grand Slams do calendário da ATP, ressaltou o histórico de vitórias de Maria Esther Bueno no torneio:

O ex-tenista Fernando Meligeni também utilizou a rede para se manifestar. “Nós, tenistas, agradecemos tudo que você fez e inspirou”, escreveu.

Nomes de outros esportes também lamentaram a morte da maior tenista brasileira. Os ex-jogadores da seleção brasileira de vôlei e campeões olímpicos Nalbert, Giovane Gávio Fabi Alvim se manifestaram no Twitter.

Outro a buscar a rede social para comentar a morte de Maria Esther Bueno foi o ex-judoca e deputado federal João Derly (Rede-RS). “Uma das maiores desportistas da história do Brasil e um exemplo de talento, obstinação e espírito esportivo”, escreveu.

Continua após a publicidade

Flamengo e Corinthians, os dois clubes de futebol com as maiores torcidas do país, também lamentaram o falecimento de Maria Esther no Twitter:

Publicidade