Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Perrella garante que já teria vendido Montillo se permanecesse no cargo

As especulações sobre a saída de Montillo do Cruzeiro crescem a cada dia em Belo Horizonte, mesmo a diretoria afirmando que o atleta não deixa o clube por menos de 15 milhões de euros, valor que nenhum time ainda ofereceu. O ex-presidente celeste, Zezé Perrela, garantiu que se fosse continuasse no cargo que já teria vendido Montillo há muito tempo, mas preferiu deixar a decisão para Gilvan Tavares, que tomou posse na semana passada.

‘Obviamente eu poderia ter vendido o Montillo, mas eu não vou ser incoerente agora que estou deixando o cargo. Tomara que eles consigam segurar, é tudo que a torcida quer, mas, infelizmente, temos uma receita muito menor que os clubes de São Paulo e Rio. Eu nunca vendi jogador porque achava bonito, sempre vendi porque achei necessário’, declarou.

Perrella lembrou que Montillo já é um jogador com 28 anos, que dificilmente o Cruzeiro conseguirá fazer dinheiro vendendo o atleta futuramente. ‘Já coloquei minha posição, disse que é muito difícil fazer futebol sem recursos. Montillo já é um jogador com 28 anos, que vai fazer 29 no ano que vem, mas a posição final é do presidente’, disse Perrella.

Clubes como São Paulo, Flamengo e Corinthians já manifestaram o desejo de ter Montillo. O dirigente do Timão, Roberto Andrade está confiante que o Corinthians levará a melhor para contratar o armador argentino. Segundo ele, a expectativa é que na próxima semana a negociação seja concluída.

‘A negociação está evoluindo, posso dizer isso. Esperamos que na próxima semana a gente tenha o desfecho. Vamos aguardar o que o Cruzeiro está resolvendo, Deus queira que o negócio saia a favor do Corinthians’, afirmou o cartola, em entrevista à Rádio Globo.