Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Perrella comemora triunfo, faz balanço positivo de gestão e alfineta rival

Por Da Redação 4 dez 2011, 20h15

O presidente do Cruzeiro, Zezé Perrella, marcou presença na Arena do Jacaré, e deu apoio ao time celeste, que goleou o Atlético-MG por 6 a 1 neste domingo. Após a exibição de gala no maior clássico de Minas Gerais, o dirigente garantiu que já começa a trabalhar para armar o time para a próxima temporada. O Cartola cruzeirense, que deixa o time no final do mês, ainda avaliou como positivo o tempo que ficou no comando da equipe.

‘Saio satisfeito com a experiência que eu adquiri neste tempo. Foram 16 anos de conquistas e glórias e digo, eu já vou começar desde agora a buscar investidores para reforçar a equipe na próxima temporada. O torcedor precisa entender que foi com essa política que o Cruzeiro se tornou uma equipe vitoriosa. Eles não devem interferir nesta política. Só peço uma coisa ao torcedor cruzeirense, que respeite o Dr. Gilvan (presidente que assume o Cruzeiro em janeiro)’, declarou.

Questionado sobre a vitória do Cruzeiro e a permanência do time na Série A, Perrella revelou que a sensação é de alívio. ‘Alivio até pelo placar. Me despedi em altíssimo estilo, vim para o estádio e encarei, falei que não queria proteção, porque eu sei o que é ficar sem dormir quando o time está nesta situação, o torcedor tem que entender que diretor de futebol é um abnegado’, disse o dirigente, que ainda alfinetou o rival.

‘A gente que está dentro do futebol sabe o que é isto. Se eu estivesse na situação contrária, por mim o Galo iria para a segunda divisão hoje. Compraram 50 mil latinhas para comemorar nosso rebaixamento, mas se eles quiserem vender para mim, eu vou comprar para comemorar o título do Mineiro em cima deles no ano que vem’, provocou.

Continua após a publicidade
Publicidade