Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Pelé e Anderson Silva gravam comercial no Botafogo

Pelé ainda recebeu homenagens do clube e relembrou os velhos tempos

Por Da Redação - 4 abr 2013, 18h41

O Botafogo recebeu duas estrelas do esporte na manhã desta quinta-feira: Pelé e Anderson Silva foram a General Severiano para gravar um comercial, e o clube aproveitou a presença do tricampeão mundial de futebol para uma homenagem. Ele recebeu uma camisa com seu nome e autografou um quadro que ficará em exposição. Pelé lembrou os tempos em que brilhava com a camisa do Santos e que tinha justamente no Botafogo seu maior rival, e citou o fato de ambos formarem a base da seleção brasileira durante aquele período. “Pena que os meus queridos amigos não estão mais aqui. Conversando com o Anderson Silva, comecei a falar de bons jogadores do Botafogo como Quarentinha, Garrincha, Amarildo, Zagallo, comecei a falar em Carlos Alberto Torres, e não parei mais. Botafogo e Santos foram os dois melhores clubes do Brasil, a base da Copa de 70.” Anderson Silva não deu entrevista.

Leia também:

Joshua, filho de Pelé, defenderá time sub-17 do Santos

Pelé aponta Corinthians como possível base para seleção

Publicidade

Pelé critica Neymar – vaidoso, imaturo e ‘viciado’ em faltas

Deco fala mal de Neymar, mas pede desculpas

Pelé relembrou como era o clima entre os jogadores quando se encontravam na seleção. “Tirávamos onda que a Vila Belmiro era melhor que General Severiano. Mas quando jogávamos um contra o outro tinha de ser no Maracanã ou em outro estádio grande, pois sempre lotava. O Botafogo deu muita alegria para todos os brasileiros. E no nosso tempo não havia esse apoio dos patrocinadores. Tínhamos de ralar muito. Nas viagens pelo mundo, fizemos a promoção do futebol brasileiro.”

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Publicidade

Siga VEJA Esporte no Twitter

(Com agência Gazeta Press)

Publicidade