Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Para Vettel, soberania da Red Bull na F1 é ‘merecida’

Por Da Redação 8 set 2011, 13h06

Por AE-AP

Monza – O desempenho da Red Bull nesta temporada da Fórmula 1 impressiona pela supremacia. Foram sete vitórias da escuderia em 12 provas, sempre com Sebastian Vettel. Ele, aliás, lidera o Mundial de Pilotos, com 259 pontos, tendo seu companheiro, o australiano Mark Webber, em segundo lugar, com 167 pontos. Para o alemão, este desempenho é merecido pelo trabalho realizado pela equipe.

“Nós cometemos muitos poucos erros e acho que merecemos estar nesta posição”, declarou Vettel, em entrevista nesta quinta-feira, no circuito de Monza, onde acontecerá o GP da Itália neste fim de semana. “Como equipe, nós aprendemos muito. Nossos pit stops estão muito bons e um monte de coisas que você não vê na TV estão mais consistentes. A equipe está muito mais calma e não entra tanto em pânico”, completou o piloto.

Mesmo com o grande desempenho ao longo do campeonato, Vettel admite que a Red Bull terá que superar as características de seu carro para conseguir um bom resultado no GP da Itália, cujos treinos livres começam nesta sexta-feira. Segundo ele, o circuito de Monza favorece as outras escuderias que ainda sonham com o título, casos de Ferrari e McLaren.

“Não somos claros favoritos para esta corrida. No último ano, a McLaren e a Ferrari tiveram uma ótima performance aqui. Sabemos que este não é um dos circuitos que preferimos, pelo ponto de vista de seu desenho. Há muitas retas e nenhuma real curva em alta velocidade. Mas acredito que possamos ir bem”, avaliou Vettel.

Se Vettel briga para confirmar o título, do qual está cada vez mais próximo, seu companheiro Webber ainda luta pela primeira vitória na temporada. Apesar da segunda colocação no Mundial, o australiano não terminou uma corrida sequer em primeiro lugar e tem na regularidade seu principal trunfo. Das 12 provas, esteve no pódio em dez.

“É realmente desapontador que eu ainda não tenha conseguido uma vitória, mas eu tenho certeza de que isso acontecerá ainda neste ano. Espero que possa ser neste fim de semana, não há lugar melhor para começar do que em Monza”, apontou Webber.

Continua após a publicidade
Publicidade