Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Para renovar com a Lusa, Jorginho pediu melhora até no café da base

Quando anunciou sua permanência na Lusa para 2012, Jorginho avisou que deixará o clube se a diretoria não cumprir o ‘combinado’. De acordo com o presidente Manuel da Lupa, esse acordo aborda questões estruturais e nada tem a ver com salário.

Uma das maiores solicitações do técnico é que as categorias de base, que revelaram titulares como Henrique e Guilherme, recebam atenção especial. ‘Ele pediu para darmos o mesmo tratamento dos profissionais aos atletas da base. O almoço já é igual, mas ele quer que o café da manhã também seja’, contou o mandantário ao No Vestiário, da Rádio Gazeta AM.Já pensando em 2012, Jorginho exige que os dirigentes paguem o prêmio prometido aos jogadores pelo acesso e pela conquista da Série B antes das férias. ‘Ele quer que os atletas voltem pensando só em jogar futebol’, explica Da Lupa.

O comandante, claro, exige uma equipe competitiva para disputar o Paulistão e a Série A. Para isso, além de indicar os reforços, acha importante que o Canindé deixe de ser usado para treinamentos. Será necessário, portanto, construir um novo campo no CT do Parque Ecológico, deixando os outros dois – que estão tendo os gramados trocados – apenas para os profissionais.

A Portuguesa encerra a temporada no sábado, às 17 horas (de Brasília), contra o Icasa, em Juazeiro do Norte. Antes disso, haverá uma festa reservada para jogadores, comissão técnica e diretoria, terça-feira.