Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Para Renato, Fla se prejudica ao não ‘se jogar’ e ficar sem pênalti

Por Da Redação 13 nov 2011, 19h33

Renato Abreu deixou o Couto Pereira preocupado em escolher bem suas palavras, mas não se segurou. Após a derrota por 2 a 0 para o Coritiba, o meio-campista se mostrou bastante irritado com jogada envolvendo Ronaldinho Gaúcho que não se transformou em pênalti para o Flamengo.

‘No campeonato inteiro, não tivemos nenhum pênalti porque não nos jogamos nenhuma vez na área. Nosso time não sabe cavar pênalti, só jogar futebol. E o Ronaldinho estava na frente do gol… Contra nós, no primeiro lance na área, eles dão pênalti’, reclamou o veterano jogador.

O lance ocorreu quando a equipe carioca já perdia por 2 a 0. Junior Cesar cruzou da lateral esquerda, Jeci cortou para dentro da área e Ronaldinho Gaúcho, em posição duvidosa, na marca do pênalti, caiu após choque com Emerson. Naquele momento, o camisa 10 estava de frente para o goleiro.

‘Se é contra a gente, seria pênalti e ainda iriam expulsar o nosso jogador. Será que, em 34 partidas, não teve um pênalti para nós? Contra o Flamengo, parece que acertam tudo’, ironizou Felipe. ‘Jogamos muito abaixo do que podemos, mas é lamentável não termos nenhum pênalti no campeonato’, continuou o goleiro.

Além da lamentação em relação à arbitragem, o time tenta mostrar esperança para a sequência do torneio. ‘Não dá para entender os critérios dos juízes, mas não foi o nosso dia. Mesmo assim, vamos lutar. Jogar no Couto Pereira nunca é fácil’, comentou Renato Abreu.

Continua após a publicidade
Publicidade