Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Para Goiás, gol de Jadson definiu a eliminação já no primeiro tempo

Por Da Redação 24 Maio 2012, 00h52

Aos 28 minutos do primeiro tempo, Ricardo Goulart vibrou tanto quanto o time e sua torcida ao abrir o placar no Serra Dourada. A festa, contudo, durou 30 segundos, já que Jadson empatou para o São Paulo. E nesse momento, na opinião dos jogadores do Goiás, foi definida a eliminação nas quartas de final da Copa do Brasil.

‘Sem dúvida nenhuma o resultado em São Paulo deixou a situação mais complicada. Mas, no momento em que fizemos o gol e tínhamos condição de pressionar, tomamos um gol. Aí fica realmente difícil’, admitiu o goleiro e capitão Harlei.

Mesmo cabisbaixo na volta do intervalo, o time do Centro-Oeste se empenhou e chegou a fazer novo gol, com Egídio, no empate por 2 a 2 em Goiânia. Mas o resultado era inútil depois da vitória são-paulina por 2 a 0 no primeiro confronto, no Morumbi.

‘Conseguimos fazer um gol no primeiro tempo, mas não deu nem tempo de incendiar’, lamentou o lateral esquerdo Egídio. ‘Nossa equipe mandou no jogo, mas o Jadson acertou um belo chute e empatou’, relatou o zagueiro Rafael Toloi.

Até o técnico Enderson Moreira concordou com os atletas. Por isso, se limitou a fazer substituições para manter a competitividade no jogo, independentemente da busca pela classificação. ‘Era praticamente impossível uma vitória com os gols necessários depois do empate’, confessou o comandante.

Continua após a publicidade
Publicidade