Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Para Fabinho, falta de experiência prejudica o Bahia no Brasileiro

Com uma campanha muito irregular no Campeonato Brasileiro, os jogadores do Bahia seguem se questionando qual teria sido o grande problema do time na competição. Para o volante Fabinho, a falta de experiência dos jogadores mais jovens vem prejudicando o time ao longo do ano, já que os atletas acabam cedendo à pressão dos adversários muito facilmente.

Mesmo alegando que os jovens atletas do grupo não possuem a experiência necessária para disputar um Brasileirão, Fabinho fez questão de elogiar o elenco do Tricolor de Aço e afirmou que todos que integram o elenco do time são dignos de estarem no Bahia. Além disso, o volante livrou os treinadores que já passaram pelo clube de qualquer culpa e atribuiu toda a responsabilidade pela situação da equipe aos próprios jogadores.

‘Nosso problema é emocional. O que vem nos atrapalhando e impedindo que a gente segure o jogo é o nervosismo do nosso grupo, que é muito novo. Falta malandragem e prender a bola. Apesar de muito talentosos, falta experiência aos jogadores. Eles precisam de alguma coisa. Não dá para colocar a culpa nos treinadores, estamos pecando pela falta de experiência de nossos jogadores’, avaliou Fabinho, em entrevista ao Sportv.

O jogador também apontou a série de lesões e desfalques por questões contratuais que o Tricolor teve ao longo da competição como grandes contribuintes para a campanha ruim do time no Brasileiro. Fabinho ainda destacou que as contusões são mais frenquentes nos atletas experientes, que acabam cedendo lugar para os mais jovens no time titular.

‘O bom seria se todos estivessem dentro de campo. O Carlos Alberto está machucado desde o jogo contra Corinthians. O Souza, durante boa parte do campeonato, teve problemas com o treinador e não jogou. Temos muitos jogadores emprestados também, com questões contratuais. Precisamos ir com aquilo que a gente tem. Quem entra no time tem qualidade, mas falta a experiência e a catimba que os mais maduros têm’, completou Fabinho.

Na rodada passada, o Bahia saiu na frente mais uma vez do placar, mas não conseguiu segurar o resultado e acabou derrotado pelo Figueirense, por 2 a 1, no Orlando Scarpelli. O novo revés no campeonato derrubou o time para a 15colocação, com 36 pontos ganhos.