Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Para autora do gol do título, Seleção está no caminho certo

Com a vitória por 2 a 1 sobre o Canadá nessa terça-feira, a Seleção Brasileira feminina de futebol conquistou o título da Copa da Suíça, torneio preparatório para as Olimpíadas de Londres. Autora do segundo gol contra as canadenses, Grazielle tem muitos motivos para comemorar o título, sobretudo da forma como aconteceu.

A jogadora entrou em campo faltando 12 minutos para o final do jogo, quando a partida estava empatada por 1 a 1. As adversárias eram as mesmas que a viram deixar o gramado com dores na coxa direita durante o Torneio Internacional Cidade de São Paulo, em 2010, pouco antes de uma cirurgia no local da lesão.

‘Quando o Jorge Barcellos me chamou para entrar, disse que tinha 12 minutos para dar 200%. E foi isso que eu fiz, não só pelo gol. Fazer o gol e vencer o Canadá foi uma forma de desabafo. Depois de tudo que passei. Foi com elas que tive o pior momento da carreira’, declarou a jogadora.

Grazielle também avaliou a importância da conquista da Copa da Suíça para o grupo brasileiro. Apesar de ser um torneio amistoso, um ‘título’ a poucos dias da estreia nos Jogos Olímpicos de Londres ajuda a manter o grupo unido e focado na conquista da inédita medalha de ouro para o país.

‘Foi muito importante vencer essa competição para mostrar que estamos no caminho certo. Hoje, podemos comemorar, mas amanhã, temos que acordar com o pensamento na medalha de ouro inédita’, disse.

A delegação brasileira feminina embarca para a capital inglesa nesta quarta-feira, às 12h10 (de Brasília) e de lá viajará de ônibus para Cardiff, onde fará os dois primeiros jogos nas Olimpíadas, contra Camarões (25) e Nova Zelândia (28).