Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Para afastar momento ruim, Ceará tenta se reabilitar contra o Dragão

Os três jogos sem vencer fizeram mal para o Ceará. Antes tranquilo na zona intermediária da tabela, o Vozão agora está próximo ao rebaixamento, e precisa se reabilitar para retomar a tranquilidade no clube. Assim, o time nordestino tentará recuperar-se na partida contra o Atlético-GO, neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no estádio Presidente Vargas, válida pela 23rodada do Brasileirão.

Goleado pelo Botafogo, postulante ao título brasileiro, o clima no alvinegro mudou. Tanto que o presidente Evandro Leitão precisou afirmar publicamente que não tem interesse em demitir o técnico Vagner Mancini, ameaçado pela sequência ruim da equipe.

Para o embate com o Dragão, Mancini terá o desfalque do zagueiro Fabrício, expulso na goleada sofrida pelo Glorioso. Em seu lugar, Thiago Matias, recém-contratado junto ao Santa Cruz, pode fazer sua estreia pelo Vozão. Além dele, Cléber e Anderson Luís também brigam pela vaga.

Outro desfalque será o volante Heleno, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra a equipe carioca, e também está fora. Em compensação, Rudinei, recuperado de uma lesão na parte posterior da coxa esquerda, fica à disposição de Mancini, assim como Michel, que foi poupado contra o Botafogo e deve retomar sua vaga de titular na equipe.

No Atlético, depois de o clube ver sua sequência de cinco triunfos seguidos ser encerrada, a equipe já não vence há dois jogos. Para retomar o bom momento, o time não contará com o zagueiro Anderson, que pertence ao Ceará e por uma cláusula contratual não estará em campo, além do meia Vitor Júnior, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Figueirense.

Na defesa, o técnico Hélio dos Anjos deverá colocar Leonardo para formar dupla de zaga com Gilson. No meio-campo, o comandante ainda faz mistério, mas Thiaguinho desponta como favorito para armar a equipe no domingo.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ X ATLÉTICO-GO

Local: estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE)

Data: 11 de setembro de 2011, domingo

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Sandro Meira Ricci (DF)

Assistentes: Marrubson Melo Freitas (DF) e José dos Santos Xavier (PI)

CEARÁ: Diego; Boiadeiro, Thiago Mathias, Erivélton e Vicente; Michel, Rudnei, Eusébio e Thiago Humberto; Osvaldo e Washington

Técnico: Vágner Mancini

ATLÉTICO-GO: Márcio; Rafael Cruz, Gilson, Leonardo e Thiago Feltri; Pituca, Bida, Agenor e Thiaguinho; Juninho e Anselmo

Técnico: Hélio dos Anjos