Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Papa recebe o Bayern e elogia 7 a 1: ‘Partida maravilhosa’

Elenco do clube alemão visitou o Vaticano depois de humilhar a Roma na terça

Por Da Redação 22 out 2014, 10h31

Depois de aplicar uma humilhante goleada por 7 a 1 na Roma, na terça-feira, em pleno Estádio Olímpico, na capital italiana, o Bayern de Munique foi recebido pelo papa Francisco nesta quarta, no Vaticano. No encontro, o pontífice disse aos atletas do time alemão que eles “jogaram uma partida maravilhosa”. Famoso por sua paixão pelo futebol, o papa argentino ganhou de presente uma camisa e uma bola autografada pelos jogadores. A camisa trazia nas costas o nome do papa escrito em alemão (“Franziskus”) e o número 1. Ela foi colocada numa moldura para que Francisco pudesse pendurá-la na parede. O uniforme personalizado foi entregue pelos capitães Philipp Lahm e Manuel Neuer.

Leia também:

Ex-técnico da seleção argentina barrou o papa no vestiário

Novo estádio do San Lorenzo terá nome do papa Francisco

Papa recebe San Lorenzo e festeja o título da Libertadores

Também presente na visita ao papa, o presidente do conselho diretor do clube alemão, Karl-Heinz Rummenigge, disse que foi “uma grande honra” ter anunciado no encontro que a agremiação de Munique irá doar um milhão de euros ao Vaticano. O dinheiro, que será arrecadado num futuro amistoso, será entregue à Igreja Católica, que vai repassar a quantia aos seus projetos de caridade. Torcedor do San Lorenzo, da Argentina, o papa já recebeu a visita de várias equipes e seleções – e, com isso, acumula uma invejável coleção de camisas autografadas. Em seu site oficial, o Bayern informa que Francisco admitiu ter ficado “surpreso” com a avassaladora goleada sobre a Roma na Itália.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade