Clique e assine com até 92% de desconto

Palmeiras tenta voltar a vencer e recuperar a confiança

Por Da Redação 15 abr 2012, 07h30

Por Daniel Batista

São Paulo – O objetivo não é bem o que os jogadores do Palmeiras imaginaram para a última rodada da primeira fase do Paulistão, mas a equipe entra em campo neste domingo, para enfrentar o rebaixado Comercial, com o intuito de conseguir acabar entre os quatro primeiros colocados, mesmo sabendo que não depende mais só de suas forças. É pouco para quem chegou a liderar o campeonato por algum tempo, mas é o preço que os palmeirenses pagam pelos resultados ruins nas últimas partidas.

Depois de perder três dos últimos quatro jogos, o Palmeiras entra na última rodada em quinto lugar, com 35 pontos. Mesmo se vencer o Comercial no Pacaembu, dependerá de um tropeço de Guarani ou Santos para terminar na quarta colocação, o que daria vantagem de disputar as quartas de final em casa.

O técnico Luiz Felipe Scolari, talvez com o intuito de diminuir a pressão em cima de sua equipe, disse que para ele tanto faz acabar em quarto lugar ou não. “Que vantagem eu vou ter? Jogar em casa? Eu não tenho casa”, reclamou o comandante palmeirense, lembrando que o Palestra Itália está fechado para reformas. Mas os jogadores usam discurso totalmente diferente.

“Temos que jogar para tentar acabar entre os quatro. É difícil porque não depende mais só de nós, mas nossa parte temos que fazer”, disse o goleiro Deola, que neste domingo completa 100 jogos pelo clube e irá jogar com uma camisa comemorativa número 100.

Mas o fato é que, independente de acabar ou não entre os quatro melhores e ter a vantagem na próxima fase, o maior objetivo do Palmeiras é vencer para conseguir amenizar o clima ruim após uma caída brusca de produção e, assim, reconquistar a confiança.

Até o presidente do clube, Arnaldo Tirone, mostrou preocupação com a situação. “Perdemos a invencibilidade por causa de um lance de azar (na derrota para o Corinthians). Isso fez o time se abater um pouco e perder a pegada. Mas já foi conversado com o elenco sobre isso e garanto que as coisas serão diferentes a partir do próximo jogo”, afirmou.

Neste domingo, o time será bem diferente daquele que o torcedor está acostumado. Márcio Araújo, Cicinho e Patrik estão suspensos, enquanto João Vitor, pendurado com dois cartões amarelos, deve ser poupado. Chance para Chico, Artur e Tinga serem titulares.

Continua após a publicidade
Publicidade