Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Palmeiras estria na Copinha com 5 a 0 no Linhares-ES

Por Da Redação - 3 jan 2012, 20h22

Por AE

Araraquara – Único dos grandes times do futebol paulista a nunca ter vencido a Copa São Paulo de Futebol Júnior, o Palmeiras tem grandes esperanças de quebrar o jejum neste ano. E começou bem a Copinha nesta terça-feira. Em Araraquara, o time alviverde goleou o Linhares-ES por 5 a 0, assumindo a primeira colocação do Grupo E.

Com uma geração de jogadores que foram campeões paulistas sub-17 no ano passado, o Palmeiras abriu o placar logo aos 8 minutos na Arena da Fonte. Diego limpou um zagueiro pela esquerda, cortou para o meio e bateu da entrada da área sem chances para o goleiro Sirlan.

Aos 29 e aos 31 minutos, o Palmeiras fez dois gols quase que em sequência. Primeiro foi Luiz Gustavo que arriscou chute cruzado pela direita e balançou as redes. Depois, Diego recebeu passe em profundidade e bateu na saída do goleiro para fazer 3 a 0.

Publicidade

A vantagem se transformou em goleada aos 6 minutos do segundo tempo. Rafael fez a jogada pela ponta-direita e cruzou rasteiro para Hugo empurrar para o gol vazio. Três minutos depois, foi Bruno Sabiá, estrela do time, que fez a jogada pela direita. Ele foi à linha de fundo e cruzou para Hugo voltar a marcar, desta vez de cabeça.

Também pelo Grupo E, a Ferroviária, dona da casa, perdeu para o Rondonópolis, do Mato Grosso, por 4 a 3. O jogo teve seis gols no primeiro tempo. Já pelo Grupo G, o Santo André bateu o Lemense por 2 a 1, em Leme. Pela mesma chave, mais cedo, o Internacional fez 2 a 1 no Confianse-SE.

MAIS PALMEIRAS – Nesta terça-feira, o clube informou que o lateral-direito Bruno Oliveira, que treinou com o elenco profissional em boa parte do segundo semestre de 2011 e disputaria a Copinha rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito em um amistoso preparatório para a competição e ficará de 6 a 8 meses afastado. A tendência é que ele fosse promovido e disputasse a temporada sob o comando do técnico Luiz Felipe Scolari.

Outra promessa da base alviverde, o meia Patrick Vieira, que também treinava com os profissionais, tem uma luxação no ombro esquerdo e vai ficar mais três meses afastados.

Publicidade