Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Palmeiras e Flamengo vencem e se afastam do perigo

Após dois vacilos no Brasileirão, time paulista consegue segurar a pressão do Bahia e sobe para a 13ª posição. Em Curitiba, Atlético-MG perde e deixa o G-4

O Palmeiras acumulava dois empates amargos nos minutos finais das partidas contra Cruzeiro e Corinthians, mas conseguiu se recuperar no Brasileirão na noite deste domingo. Desta vez o time paulista conseguiu controlar os nervos, venceu o Bahia por 1 a 0 na Fonte Nova e voltou a se afastar da zona de rebaixamento. Com o gol marcado por Mazinho, o Palmeiras chegou a 39 pontos e fechou a 32ª rodada do Brasileirão na 13ª posição. O Flamengo também conseguiu se distanciar de vez da degola ao vencer a Chapecoense por 3 a 0, no Maracanã. Em Curitiba, o Atlético-MG perdeu para o Atlético-PR por 1 a 0 e deixou o G-4.

Leia também:

São Paulo bate Criciúma, mas Cruzeiro mantém diferença

Corinthians empata e vê Libertadores mais longe

Palmeirenses dizem que nova casa é melhor que Itaquerão

Novamente o Palmeiras não teve uma atuação brilhante, mas conseguiu sustentar a vitória nos minutos finais. O gol da equipe saiu aos 35 minutos da primeira etapa: o chileno Valdivia fez bonita tabela com Mazinho, que invadiu a área e chutou forte para superar o goleiro Marcelo Lomba. O jogo ficou truncado na segunda etapa e ambas as equipes tiveram problemas para finalizar. Mas, ao contrário do que fez nas duas últimas partidas, o Palmeiras não se limitou a defender nos minutos finais. Diogo e Allione entraram para tentar segurar a bola no ataque e o time visitante criou boas chances, com Valdivia e João Pedro. O Bahia se lançou desesperadamente ao ataque nos minutos finais, mas a zaga do Palmeiras e o goleiro Fernando Prass evitaram uma nova decepção até o alívio do apito final.

Mesmo jogando com uma equipe mista, o Flamengo foi amplamente superior à Chapecoense e alegrou os mais de 30.000 presentes ao Maracanã com uma boa vitória. Na primeira etapa, o time carioca desperdiçou um pênalti, em cobrança de Léo Moura defendida por Danilo, e levou alguns sustos da equipe catarinense. No entanto, o Flamengo se acertou na segunda etapa e chegou ao primeiro gol aos 10 minutos em chute forte de Anderson Pico da entrada da área. O gol animou o time da casa, que ampliou cinco minutos depois em cabeçada de Nixon. O jogo ficou fácil para o Flamengo, que só não ampliou com Luiz Antônio graças a uma grande defesa de Danilo. Aos 25 minutos, porém, Nixon fechou o placar com um bonito voleio. Com a vitória, o Flamengo foi a 43 pontos e já é o décimo colocado. A torcida rubro-negra, porém, deixou o Maracanã preocupada com a condição física de Léo Moura, Gabriel e Luiz Antônio, que deixaram o campo lesionados. Na quarta-feira, o Flamengo enfrenta o Atlético-MG no jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil.

Na tarde deste domingo, o Atlético-MG sofreu sem três de seus principais jogadores – Victor, suspenso, e Marcos Rocha e Dátolo, poupados – e deixou a zona de classificação para a Libertadores ao perder por 1 a 0 para o Atlético-PR. O único gol da partida foi marcado logo no primeiro minuto de jogo. O volante Paulinho Dias aproveitou sobra e chutou da entrada da área. A bola desviou em Edcarlos e enganou o goleiro Giovanni. Com a derrota, o time mineiro permaneceu com 54 pontos e caiu para o quinto lugar. Já o Atlético-PR foi a 43 pontos e é o nono colocado.