Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Pai de Ayrton Senna morre aos 94 anos, em São Paulo

Milton da Silva, conhecido como Miltão, era casado com Neyde Joanna Senna; a morte se deu por causas naturais

Por Alessandro Giannini Atualizado em 27 out 2021, 19h48 - Publicado em 27 out 2021, 19h47

Pai de Ayrton Senna, o empresário Milton Teodoro Guirado da Silva morreu nesta quarta-feira, 27, aos 94 anos, em São Paulo, de causas naturais. A notícia foi publicada em um perfil do piloto de Fórmula 1 no Instagram: “Faleceu nesta quarta-feira o Sr. Milton Guirado Theodoro da Silva, pai de Ayrton Senna. Nossos sentimentos para todos os familiares e amigos. Obrigado, Miltão”.

Milton da Silva era casado com Neyde Joanna Senna. Ele era pai de Ayrton, tricampeão de Fórmula 1, morto em 1º de maio de 1994, no circuito de Monza, na Itália. E tinha mais dois filhos, Viviane e Leonardo.

Nascido na Zona Norte de São Paulo, o empresároio começou vendendo carros e passou para a indústria metalúrgica. Investiu em construção civil e na criação agropecuária.

Reservado, raramente dava entrevistas ou aparecia em reportagens. De início, queria que Ayrton se dedicasse aos negócios da família, mas depois de ver o filho conquistando espaço na Fórmula 1 acabou tornando-se seu maior incentivador.

Era avô do piloto Bruno e de Bianca, filhos de Viviane, que dirige o Insituto Ayrton Senna.

Continua após a publicidade

Publicidade