Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Ousado, Botafogo-SP quer ganhar 100% das bolas aéreas do Verdão

Por Da Redação - 10 mar 2012, 16h45

O Botafogo de Ribeirão Preto deu grande atenção aos treinos das jogadas aéreas para o jogo deste final de semana contra o Palmeiras, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. Como todos os adversários do Verdão, o Tricolor do interior está preocupado com Marcos Assunção.

Por isso, Vagner Benazzi aponta uma projeção incomum no confronto contra o Verdão: ‘Precisamos tentar ganhar 100% na disputa das bolas paradas’, explicou o treinador, em entrevista ao diário A Cidade.

Nas jogadas aéreas ou na troca de passes, Benazzi também cita o perigo do meio-campo e ataque alviverde. Aliás, o treinador recorda que já enfrentou o atacante Barcos, a nova sensação palmeirense, e elogia a raça e posicionamento do argentino. ‘Eu estava no Avaí quando enfrentamos a LDU do Barcos’, contou.

A tendência é que o Botafogo apresente uma formação mais defensiva, com apenas um atacante. As novidades serão os retornos de Marco Aurélio e Marquinhos na zaga, além de Leandro Carvalho, Alex e Camilo no meio-campo.

Publicidade

O Botafogo mantém apenas uma dúvida na escalação, justamente no comando do ataque. Desta forma, a formação (3-6-1) teria: Juninho; Reniê, Marcos Aurélio e Marquinhos; Alessandro, Glauber, Leandro Carvalho, Alex, Camilo e Murilo Ceará; Edson (ou Caíque).

Publicidade