Clique e assine com até 92% de desconto

Os prejuízos de Armstrong: 7 títulos e 25 milhões de reais

Ciclista americano perderá vitórias do Tour de France, venceu entre 1999 e 2005, e pode ser obrigado a devolver prêmios

Por Da Redação 22 out 2012, 15h42

O diretor do Tour de France, Christian Prudhomme, oficializou nesta segunda-feira a perda dos sete títulos conquistados por Lance Armstrong entre 1999 e 2005. O dirigente reiterou que as edições ficarão sem vencedores. Além dos torneios, Armstrong também corre o risco de perder 25 milhões de reais em prêmios e patrocínios.

O anúncio de Prudhomme acompanhou a decisão da União de Ciclismo Internacional (UCI) de banir o atleta americano do esporte, nesta segunda. O veredicto da UCI, que cassou os títulos de Armstrong, confirmou o relatório divulgado pela Agência Antidoping dos Estados Unidos há duas semanas. “Foi sem surpresa que recebemos as notícias de hoje.” Prudhomme também disse que, além de perder os títulos, Armstrong deve devolver a premiação em dinheiro que recebeu pelas conquistas. “As regras da UCI são claras: quando um ciclista perde o título, ele deve devolver a premiação.” Entre multas, processos e fiança, Armstrong pode ter de desembolsar 25 milhões de reais. O processo por doping fez o ciclista perder seus patrocinadores. Segundo a revista americana Forbes, o ciclista tem fortuna estimada em cerca de 260 milhões de reais. No fim de agosto, a Federação Francesa de Ciclismo (FFC) solicitou que Armstrong devolvesse aproximadamente 7 milhões de reais em prêmios por vitórias no Tour de France. O americano ainda pode ter de pagar 15 milhões de reais para a SCA Promotions, que o patrocinava durante os campeonatos. Armstrong corre ainda o risco de ser preso, por falso testemunho, pois negou participar de esquema de doping encabeçado pelo preparador italiano Michelle Ferrari. Se for condenado, o valor a ser desembolsado é de 3 milhões de reais. (Com Agências Estado e Gazeta Press)

Publicidade