Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Os carrões na garagem de Tony Stark, o ‘Homem de Ferro’

Cobiçados e admirados, os esportivos serão alvo do vilão Mandarin. Conheça os modelos que estão na garagem do super-herói

Tony Stark está de volta. E, assim como nos dois filmes anteriores, neste Homem de Ferro 3 também há um superesportivo para levar o herói-cientista-empresário-popstar para todos os lugares, em grande estilo e bem rápido. Desta vez o carrão é um Audi R8 e-tron, a versão movida a eletricidade do esportivão. Ele traz quatro motores elétricos capazes de gerar juntos o equivalente a 313 cavalos de potência. Porém, o exemplar usado no filme por Stark, personagem vivido por Robert Downey Jr., é um R8 V10 Plus, equipado com um motor 5,2 litros, a gasolina, travestido de e-tron. Esta foi a forma que os produtores do longa encontraram para driblar um detalhe: o R8 e-tron ainda não entrou em produção e sua aparência final é um mistério.

Leia também:

Audi R8 GT Spyder: test drive aberto no Salão do Automóvel de São Paulo

Os supercarros de James Bond em 50 anos no cinema

‘Homem de Ferro 3’ bate recorde de bilheteria no Brasil

Gwyneth Paltrow vai sem calcinha à estreia de ‘Homem de Ferro 3’

Downey Jr: ‘O Homem de Ferro é uma extensão de mim’

Além dele, a Audi tratou de escalar outros modelos para algumas pontas no último filme – neste episódio, a mansão de Stark, incluindo a cobiçada garagem recheada de esportivos de luxo e raridades, é alvo do vilão Mandarin (Ben Kingsley). Entre os modelos à disposição do herói estavam uma coleção de Audis, incluindo uma versão Spyder (conversível) do R8, um luxuoso Rolls-Royce Drophead, um Saleen S7 e um elétrico Tesla Roadster, uma réplica do roadster AC Shelby Cobra, e dois cupês clássicos: um Mercury 1949 e um Cadillac Coupe Série 62 by Ghia 1953. Até o Ford Flathead Roadster 1932, de Jon Favreau, diretor dos dois primeiros longas, foi usado nas filmagens.