Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Orlando Silva anuncia saída do Ministério dos Esportes

O ministro dos Esportes, Orlando Silva, anunciou nesta quarta-feira sua saída do governo após ter sido alvo de denúncias de corrupção, deixando assim um cargo-chave, tendo em vista a organização da Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas do Rio de Janeiro em 2016

“Pedi o afastamento do governo, para que possa defender minha honra. Saio com sentimento de dever cumprido”, declarou Silva em breve pronunciamento após se reunir com a presidenta Dilma Rousseff.

Esta foi a quinta vez que um ministro deixa o governo desde junho em razão de denúncias de corrupção.

Orlando Silva foi acusado por um Policial Militar, responsável por uma ONG, de envolvimento em desvios de dinheiro através de programas destinados a promover o esporte em comunidades carentes.

Ele também foi acusado de benificiar seu partido, o Partido Comunista do Brasil (PCdoB).

“Fato nenhum houve que possa comprometer a minha honra e minha conduta ética”, afirmou Silva antes de anunciar sua renúncia.

O Superior Tribunal Federal (STF) abriu uma investigação sobre estas denúncias na terça-feira.

Essa decisão do STF deixou a posição do ministro ainda mais delicada, num momento em que o Brasil enfrenta tensões com a Fifa a respeito de detalhes da lei geral da Copa do Mundo de 2014.