Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Organização dos GP dos EUA aprova corrida em novembro

Por Da Redação 11 ago 2011, 08h27

Os responsáveis pelo Grande Prêmio dos Estados Unidos, que será incluído no calendário da Fórmula 1 a partir de 2012, disseram nesta quinta-feira que ficarão satisfeitos se a data de inauguração da prova for a que Bernie Ecclestone, chefe comercial da categoria, divulgou: em novembro.

A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) chegou a anunciar um calendário com as corridas confirmadas para o ano que vem. Entretanto, Ecclestone circulou de forma não-oficial uma versão diferente durante o GP da Hungria, com a corrida de Austin, no Texas, marcada para novembro.

‘Eu estou esperando por uma corrida no fim da temporada desde que este projeto começou e vejo isso como um sinal muito positivo na Fórmula 1 ela querer que o evento norte-americano será um absoluto sucesso’, declarou o chefe do GP, Tavo Hellmund.

Ecclestone disse recentemente que um dos principais motivos para a mudança de data é o clima texano, muito quente no verão. ‘Ele fez teve dezenas de questões para considerar quando o calendário começar. Tem que balancear os interesses dos times como os dos promotores e até levar em conta situações únicas em cada país’, acrescentou o norte-americano.

Steve Sexton, presidente do Circuito das Américas, também se mostrou feliz com a nova data. ‘Queremos que nossos fãs tenham uma grande experiência quando vierem para cá. A perspectiva de clima mais ameno torna isso mais provável. Isso também nos dá tempo para preparar melhor nossa equipe e os milhares de voluntários que vão nos ajudar com as festividades do fim de semana da corrida’, exaltou.

Continua após a publicidade
Publicidade