Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Oportunista ao extremo’, Macedo elogia garra dos jogadores do Bugre

O atacante Marcelo Macedo deu início à reação do Guarani na partida diante do Náutico, nesta terça-feira, no Brinco de Ouro. Com gols aos dez e 16 do segundo tempo, o atacante ajudou o time a virar o placar e construir o resultado que o deixaria na 11posição da Série B, longe da zona de rebaixamento.

Após a partida, o atacante que em cinco partidas marcou quatro gols ganhou elogios e uma crítica do técnico Giba, que falava a respeito da possibilidade de utilizar três atacantes na próxima rodada.

‘Nosso time não está pronto para jogar com três atacantes, podemos até fazer meio tempo pela condição do Fabinho e do Marcelo, mas faremos isso dentro de casa. O Fabinho entrou, mas está longe da sua melhor forma, este será o terceiro jogo dele, o Marcelo é oportunista ao extremo, mas ainda não é um jogador que consegue voltar para marcar’, afirmou o comandante do Bugre.

Macedo, que foi apresentado ao clube no final de agosto, fez questão de concordar com o técnico no que diz respeito ao seu estado físico: ‘Eu ainda não estou 100%, há seis meses que não jogava, não é com dois ou três jogos que vou recuperar o ritmo de jogo. Tenho conseguido resistir bastante ao ritmo da partida, mas acho que o importante é estar fazendo gols. Quando a bola chegar na área tenho que fazer gols e, graças a Deus estou fazendo e ajudando a equipe’.

Por fim, o jogador elogiou os jogadores do Guarani, que estão unidos e focados no ideal de tirar o Guarani da zona incômoda e reconduzí-lo à primeira parte da tabela, onde a briga é pelo acesso, não contra o rebaixamento.

‘Na situação em que a equipe está, a gente vê os jogadores lutando e trabalhando. Desde que cheguei aqui, até os que não vão para os jogos treinam com uma dedicação impressionante. Todos sabem das dificuldades que estamos passando aqui, eu cheguei há um mês, mas meus companheiros estão há muito tempo sem receber salários e isso acaba afetando, mas não dentro de campo. A torcida também abraçou essa causa junto com a gente e vem apoiando. Este apoio tem sido fundamental para a gente conseguir as vitórias aqui no Brinco e sair dessa zona de perigo o mais rápido possível’, comentou o atacante do Guarani, enaltecendo a força do torcedor e do jogador em busca do sucesso.