Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Operário morre eletrocutado na Arena Pantanal

Esta é a nona morte em obras dos estádios que receberão a Copa do Mundo

A secretaria especial para assuntos da Copa, de Mato Grosso (Secopa-MT), informou que o operário Muhammad’Ali Maciel Afonso, de 32 anos, morreu nesta quinta-feira após sofrer uma descarga elétrica durante a construção da Arena Pantanal, em Cuiabá, um dos estádios do Mundial. O choque provocou uma parada cardíaca em Maciel, que chegou a receber atendimento de duas equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu e morreu no local. Ele era funcionário de uma empresa terceirizada, contratada pelo consórcio responsável pela obra.

Leia também:

Dilma inaugura dois estádios – incompletos – em dois dias

Valcke: Itaquerão ficará pronto ‘no último minuto’, sem teste

​Morre operário que caiu no Itaquerão; Copa tem 8 vítimas

Mortes – Está é a nona morte de operários nas obras dos estádios da Copa do Mundo. Foram quatro mortes na Arena da Amazônia (Manaus), três no Itaquerão (São Paulo) e uma no Estádio Mané Garrincha (Brasília).

Atraso – A Arena Pantanal já teve seu jogo inaugural adiado seis vezes. Apesar de ter recebido as partidas entre Mixto x Santos, Luverdense x Vasco, ambas em abril, e Cuiabá x Internacional, em 1º de maio – todos como eventos-teste, com a capacidade parcial do estádio -, o local segue incompleto. Operários ainda trabalham na instalação de cadeiras em setores da Arena Pantanal, de painéis eletrônicos e no desenvolvimento do gramado. Segundo a secretaria local para a Copa, o jogo entre Santos e Atlético Mineiro, no dia 18 de maio, válido pelo Campeonato Brasileiro, será o primeiro com a capacidade total – e o último antes da entrega do estádio à Fifa.

A nota da Secopa-MT:

“A Secretaria Extraordinária da Copa do Mato Grosso lamenta informar a morte de Muhammad´Ali Maciel Afonso, de 32 anos, funcionário da empresa Etel, que integra o Consórcio CLE, e prestador de serviço responsável pela instalação dos equipamentos de tecnologia, informação e comunicação da Arena Pantanal. Ele foi vítima de um acidente provocado por uma descarga elétrica, na manhã desta quinta-feira (08/05), enquanto trabalhava no nível 20 do Setor Leste do estádio.

Equipes do Samu e do Corpo de Bombeiros do Estado do Mato Grosso prestaram assistência no local, onde fizeram todos os procedimentos de reanimação.

Consternada, a Secopa-MT se solidariza com a família de Afonso e informa ainda que aguardará o trabalho dos peritos da Polícia Técnica, que investigam as causas do acidente.

A Secopa-MT lamenta o triste episódio, ocorrido já às vésperas da inauguração da Arena Pantanal e depois de todo o período de construção sem nenhuma ocorrência de acidente grave ou médio na obra.”

(Com agência EFE)