Clique e assine com 88% de desconto

Obina constata união do grupo e se diz pronto para estrear

Por Da Redação - 17 jul 2012, 16h23

O atacante Obina começou a treinar no Palmeiras na sexta-feira e já se sente pronto para ajudar o time do técnico Luiz Felipe Scolari em campo. Depois de ter sido apresentado oficialmente pelo clube nesta terça, na Academia de Futebol, o jogador se colocou à disposição para encarar o Coritiba, quinta-feira, pelo Campeonato Brasileiro.

‘Estou me sentindo superbem e já vinha treinando muito. Se precisarem de mim, vou estar à disposição para ajudar o treinador e a equipe’, afirmou o atacante, que depende ainda da regularização na Confederação Brasileira de Futebol.

Se seu nome for publicado no Boletim Informativo Diário da CBF, Obina deve ser relacionado por Felipão para o confronto, até em função dos desfalques na linha de frente. Barcos ainda se recupera de uma cirurgia no apêndice, e Luan fica no departamento médico por 30 dias em função de lesão muscular na coxa esquerda.Já Maikon Leite cumprirá suspensão automática por conta do acúmulo de três cartões amarelos. Assim, a dupla de frente no Couto Pereira deve ser formada por Mazinho e Betinho, mas Obina pode surgir como opção. Nestes primeiros dias de clube, o reforço elogiou o ambiente que encontrou nos vestiários.

‘Pela maneira como fui recebido, não tem como este grupo não ser unido. O elenco está forte e todo mundo é amigo, fui muito bem recebido e quero retribuir ajudando em campo. Quando tem um grupo em que um luta pelo outro, vem o bom resultado’, concluiu.

Publicidade

O Shandong Luneng, da China, emprestou Obina ao Palmeiras até o fim do ano, com preferência de compra por parte do clube paulista.

Publicidade