Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

O que melhorar no segundo UFC Rio

Primeira edição brasileira não teve o mesmo preparo de edições internacionais

Por Da Redação 8 jan 2012, 08h49

A primeira edição do UFC no Rio pode ser considerada um sucesso, mas há pontos que podem ser melhorados. Apesar de os organizadores terem apostado que o MMA (Artes Marciais Mistas, em inglês) teria boa recepção no Brasil, eles não imaginavam que o sucesso seria tão grande. Por causa disso, a edição carioca do UFC não teve o mesmo preparo das edições internacionais. Confira os pontos que podem ser melhorados em edições futuras.


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)