Clique e assine a partir de 9,90/mês

O drama de Georgette

Coordenadora da seleção brasileira de ginástica olímpica revelou que perdeu a mãe neste domingo, pouco antes de suas pupilas entrarem no tablado

Por Da redação - 7 ago 2016, 23h06

Um post da coordenadora da seleção brasileira de ginástica olímpica, Georgette Vidor, revelou um drama olímpico. Em pouco mais de dez linhas, ela anunciou que perdera a mãe neste domingo, 7 de agosto, pouco antes de suas pupilas entrarem no tablado. Escreveu Georgette, debaixo de uma foto em que se vê ela beijando a mãe, falecida aos 92 anos: “Por armadilha do destino e uma trama cheia de surpresas, perdi minha mãe no dia de hoje. Logo ela, meu pilar. Logo hoje: um dos dias mais esperados da minha vida por disputar a quinta Olimpíada, mas a primeira em casa. Pelos 92 anos dela, a gente acha que está mais ou menos preparado. Mas não está! Apesar de tudo que vocês podem imaginar que passei nessa manhã, decidi ficar ao lado das meninas durante a competição. Elas precisavam de mim. E precisava delas também. Mas, além disso e do profissionalismo, fiz também pensando nela e que seria o desejo de qualquer mãe que sonha os sonhos do filho. Deus é o maior conforto! Obrigada pelas mensagens carinhosas que estou recebendo.” O sofrimento em silêncio de Georgette, agora revelado, comoveu as ginastas.

Publicidade