Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

No Tricolor, zagueiro dá boas-vindas e dica a Fabrício: ‘Senta o pé nos caras’

O zagueiro Edson Silva e o volante Fabrício foram anunciados pelo São Paulo no ‘pacote’ de reforços no final do ano passado. A intenção da diretoria era deixar o time com mais raça, ou com ‘vergonha de perder’, nas palavras do volante. Na prática, dois jogadores experientes e corpulentos para formar um time ávido por vitórias.

Nesta segunda-feira, o grupo se reapresentou após a folga de Carnaval e os dois falaram sobre a partida da próxima quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), contra o Bragantino. A nona rodada do Campeonato Paulista marca o retorno de Edson Silva ao time titular, substituindo o suspenso Paulo Miranda e a estreia de Fabrício pela equipe.

Amigos também longe dos gramados, os dois fazem o estilo ‘xerifão’, sendo que o ex-cruzeirense joga mais adiantado, na proteção da zaga, setor em que Edson Silva fará companhia ao capitão Rhodolfo. Dando boas-vindas ao companheiro no time do São Paulo, o defensor brincou, mas deixou claro o que espera de Fabrício.

‘Que ele se sinta à vontade no time como também é nos bastidores com todo mundo e possa nos ajudar bastante, com marcação, com força física. O que eu posso dar de dica para ele? Senta o pé nos caras! Seja bem-vindo’, desejou, aos risos, o zagueiro do Tricolor.

Acostumado à pressão de ser o cão de guarda da defesa desde os tempos de Cruzeiro, quando chegou a ser até capitão do time, Fabrício fez questão de agradecer as boas-vindas e mostrar que deseja um lugar no time: ‘Estou aqui há dois meses, vi que o pessoal ficou contente com meu retorno e isso me deixa otimista. Agora é hora de mostrar quem é o Fabrício, estou aqui para trabalhar com minha maneira de ser e de jogar. Cheguei até aqui jogando assim, então não tem como mudar’.

Em Bragança Paulista, o São Paulo terá as ausências de Willian José e Paulo Miranda, suspensos, e Luis Fabiano, que ainda não está em condições de entrar em campo. Em contra partida, voltam ao time o lateral direito Piris, o zagueiro João Filipe e volante Wellington, que cumpriu suspensão na última rodada.

O retorno do camisa 5, inclusive, deixa a dúvida no ar, já que Fabrício decidiu não escolher com quem concorre à vaga de titular. A princípio, a dupla Wellington e Casemiro segue entre os 11, mas Emerson Leão estuda uma forma de escalar o novo contratado.