Clique e assine com 88% de desconto

No Recife, Botafogo busca reabilitação contra o Náutico

Por Da Redação - 10 jun 2012, 09h38

Por AE

Rio – A derrota inesperada e repentina para o Cruzeiro, na última quinta-feira, quando o Botafogo vencia por 2 a 0 e levou três gols em menos de sete minutos, levou o técnico Oswaldo de Oliveira a exigir do time todo o empenho possível no confronto deste domingo contra o Náutico, às 18h30, no estádio dos Aflitos, no Recife, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Quer que o Botafogo recupere os pontos perdidos em casa.

Na avaliação do treinador do Botafogo, um time que tem ambição de disputar o título do Brasileirão não pode fracassar quando tem o mando de campo sem se recuperar logo em seguida. Oswaldo de Oliveira, ainda chateado com o revés sofrido no Engenhão, determinou ao time marcação forte contra o Náutico. Sabe que o adversário, empurrado pela torcida e em má fase na competição, vai dar tudo para se reabilitar.

Com vários desfalques, entre os quais os goleiros Jefferson e Renan, o zagueiro Antônio Carlos, o volante Marcelo Mattos e o meia Fellype Gabriel, além de Loco Abreu, que serve a seleção uruguaia, o Botafogo promete jogar ofensivamente, como é sua característica. “Sempre escalo o time com o pensamento voltado para a vitória”, disse Oswaldo de Oliveira. “Não vai ser diferente desta vez”. Ele deposita em Herrera a esperança dos gols do Botafogo.

Publicidade