Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

No desembarque, Frizzo nega que Kleber tenha sido afastado

Por Da Redação 12 out 2011, 12h54

De acordo com o vice-presidente de futebol Roberto Frizzo, a decisão de não relacionar o atacante Kleber para a viagem do Palmeiras ao Rio de Janeiro foi tomada pela diretoria e pela comissão técnica. O dirigente garantiu que essa atitude foi tomada apenas para a partida contra o Flamengo, nesta quarta-feira, e não significa que o Gladiador foi afastado do elenco.

‘Ser afastado é ser isolado. Foi um jogo. Foi uma decisão tomada pela diretoria e pela comissão técnica’, confirmou Frizzo a jornalistas após desembarcar na capital carioca.

Em uma reunião, Kleber teria se desentendido com o técnico Luiz Felipe Scolari e dirigentes do clube, por causa da agressão sofrida pelo volante João Vítor, na terça-feira. Ao sair da loja oficial do clube, localizada na Rua Turiassu, no Palestra Itália, ele foi abordado por cerca de 15 torcedores e teve que ser resgatado pela polícia militar.

Publicidade